Leite e derivados podem ajudar a prevenir a diabetes

Os produtos contêm uma substância que não é produzida pelo corpo humano e que reduz o risco da doença em até 60%.
Uma pesquisa divulgada pelo periódico “Annals of Internal Medicine” (Anais da Medicina Interna, em tradução livre), comprovou que uma substância natural encontrada nos produtos lácteos, o ácido trans-palmitoleico, tem propriedades que previnem a diabetes.
Essa substância está presente no leite, queijo, iogurte e manteiga, e não é produzida pelo corpo. Foram analisadas 3.700 pessoas, as quais apresentavam altos níveis do ácido no sangue, e tiveram o risco de contrair diabetes tipo 2 reduzido em 60%.
O médico responsável pelo estudo Dr. Dariush Mozaffarian, alerta que “o leite e os produtos lácteossão, também, ricos em gorduras, que contribuem para o ganho de peso. Por isso, é aconselhável ingerir derivados do leite que tenham pouco índice de gordura”.
A professora Rose Pereira de Deus, especialista em alimentação natural e funcional, no curso Alimentação Saudável para Diabéticos, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, comenta que “a acidificação do leite por certos tipos de bactérias traz inúmeras vantagens para o uso do iogurte e da coalhada em relação ao uso da bebida. Por isso, é preferível utilizar somente o leite desnatado e os produtos light. Queijo branco, ricota e cottage são os mais indicados. A manteiga deve ser usada com moderação, mas não deve ser substituída pelas margarinas hidrogenadas, pois essas possuem a gordura trans, que aumenta o mau colesterol (LDL)”.

Os pesquisadores enfatizam que as pessoas não devem se valer desse estudo como desculpa para consumir mais laticínios que o recomendado. É preciso ter uma dieta balanceada, que inclua pouca gordura, sal e açúcar, e muitas frutas e vegetais.

Fonte: Central de Produções Técnicas

Cadastre-se e receba conteúdos em seu e-mail

Compartilhe esse poste

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email